Galerias
 
 
A A A    
Parceria visa à qualificação de mão de obra
14/09/2018
 
João Pedro Coelho

A Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão (Ampa) e o Instituto Mato-grossense do Algodão (IMAmt) assinaram um termo de cooperação com a Case IH, que contempla uma das principais demandas dos agricultores de Mato Grosso: a qualificação de mão de obra para lidar com o alto nível de tecnologias embarcadas e utilizadas em diversas operações no campo.

O anúncio foi feito no encerramento do VI Workshop da Qualidade do Algodão, realizado no Centro de Treinamento e Difusão Tecnológica do Núcleo Regional Sul, em Rondonópolis, no último dia 5, porém essa parceria começou a ser costurada em março passado, numa conversa entre o presidente da Ampa, Alexandre Schenkel, o diretor executivo do IMAmt, Alvaro Salles, e a direção da Case IH, em Sorocaba (SP).

"É com muito prazer que estou aqui hoje, junto com meu time, para assinarmos esse termo de cooperação com Ampa e IMAmt", comentou Mirco Romagnoli, vice-presidente da Case IH para a América Latina. Ele disse estar "muito impressionado" com a estrutura do CTDT de Rondonópolis. Desde outubro de 2015, Ampa e IMAmt implantaram outros quatro CTDTs com estrutura semelhante, para a realização de cursos e treinamentos, desenvolvimento e difusão de novas tecnologias, nas regiões de Campo Verde, Sorriso/Lucas do Rio Verde (BR-163), Campo Novo do Parecis e Sapezal.

"Não usamos toda a tecnologia que a indústria nos oferece por falta de trabalhadores qualificados", comentou Schenkel, numa referência ao gap que dificulta a melhor utilização de novas tecnologias pelos cotonicultores mato-grossenses, que adotam em sua maioria o sistema double crop, com o cultivo do algodoeiro após a colheita da soja.

Num primeiro momento, a Case IH, vai oferecer cursos sobre Operação, Manutenção e Diagnóstico para todas as máquinas da Case IH disponíveis no mercado brasileiro. A oferta desses cursos será imediata, já que a estrutura está pronta (os CTDTs Ampa/IMAmt) e a Case IH dispõe de corpo técnico formado. Porém, a parceria Ampa/IMAmt e Case IH deverá ter outros desdobramentos por meio do Isvor - universidade corporativa da FCA (Fiat Chrysler Automobiles), empresa coirmã da CNH Industrial, da qual a Case IH faz parte.

"Sabemos que esse acordo trará desenvolvimento e muitos outros benefícios, como conhecimento, ações sociais e consultorias, para muita gente de Mato Grosso e da região”, afirma Auri Orlando, diretor de Serviços da Case IH. De acordo com Orlando e Romagnoli, a parceria possibilitará oferecer aos associados da Ampa um leque imenso de treinamentos e consultorias para a gestão de pessoas e processos.

Alguns passos concretos já vêm sendo dados nesse sentido. Fernando Silveira, coordenador de treinamentos do Isvor e Marcos Araújo, coordenador de soluções e treinamentos de clientesCase IH, participaram na semana passada da Jornada da Qualidade do Algodão, que percorreu três municípios de produção algodoeira nos núcleos regionais Centro, Centro Leste e Sul. Além disso, representantes do Isvor e Case IH têm participado, a convite do IMAmt, de reuniões realizadas em Mato Grosso visando o desenvolvimento pela Faculdade de Tecnologia Senai Mato Grosso (Fatec Senai MT) de cursos de nível superior e técnico para a formação de profissionais diferenciados e preparados para atender às demandas do agronegócio mais tecnificado.

A parceria Ampa/IMAmt e Case IH prevê ainda a realização de projetos sociais destinados às comunidades carentes de Mato Grosso em ações desenvolvidas pelo time de sustentabilidade da Case IH em parceria com o Isvor. “Essas ações visam desenvolver essas pessoas e integrá-las ao mercado de trabalho de forma sustentável e com qualidade”, explica Orlando.

"Podemos dizer que a Case IH no Brasil começou em Mato Grosso, com a importação da primeira colheitadeira Axial do mundo já com Agricultura de Precisão embarcada. O Mato Grosso ainda tem muitas oportunidades de melhoria na formação de pessoas a serem realizadas e queremos retribuir um pouco de nosso sucesso colaborando não só na formação de técnicos (operadores de máquinas e mecânicos), como também de cidadãos. O sucesso de Mato Grosso é o sucesso da Case", conclui Romagnoli.

 
Fonte: Assessoria de Comunicação da Ampa
 
 
 
 
 
Fotos Videos
Workshop da Qualidade 2018
Jornada da Qualidade 2018
Dia de Campo 2018
Mais  Fotos
 
 
 
Institucional Notícias Sustentabilidade
Quem Somos Fale Conosco Programa Semeando o Bem
Histórico   Programa Fazenda Saudável
Missão, Visão e Valores Galerias Programa ABR
  Fotos Sistema BCI
  Vídeos  
Diretoria Legislação Publicações
     
     
 
IAS - Instituto Algodão Social
Rua Engº Edgard Prado Arze, nº 1.777, Qd 03 - Setor A, Edifício Cloves Vettorato, Centro Político Administrativo - CEP 78049-015
Cuiabá - Mato Grosso - Brasil - +55 (65) 3322-0001

2012 - Todos os direitos reservados