Galerias
 
 
A A A    
Schenkel vai a Fórum das Cadeias Produtivas
11/07/2017
 

O presidente da Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão (Ampa), Alexandre Pedro Schenkel, participou do Fórum das Cadeias Produtivas, no Parque de Exposições Senador Jonas Pinheiro. Ele falou sobre o compromisso dos cotonicultores com a responsabilidade social e ambiental, informando que aproximadamente 80% da produção algodoeira do estado (estimada em quase 1 milhão de toneladas de pluma na safra 2016/17) são certificados, mencionou as expectativas positivas dos associados da Ampa em relação à safra corrente, e destacou a importância das parcerias e da agregação de valor à pluma.

"Hoje o produtor recebe aproximadamente R$ 5 por um quilo de algodão em pluma e o consumidor paga R$ 30 por uma calça jeans adquirida em regiões onde é forte a presença da indústria de confecção, ou até mesmo R$ 300 por um produto de marca. Mato Grosso é o maior produtor de algodão do país e estamos empenhados em agregar valor ao nosso produto como forma de gerar renda e emprego para a população mato-grossense", afirmou Schenkel, ao lado do ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi.

O presidente da Ampa disse que a entidade iniciou um trabalho em parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico visando atrair empresas do setor  têxtil a Mato Grosso com o objetivo de verticalizar a produção. Ele acrescentou que a Ampa pretender dar continuidade a esse trabalho com o secretário Carlos Avalone, que assumiu a Sedec-MT na semana passada, em substituição ao ex-secretário Ricardo Tomczyk.

O Fórum das Cadeias Produtivas foi iniciado nessa segunda-feira (10 de julho) com uma palestra do ministro Blairo Maggi e um debate sobre o tema "Agronegócio nos dias de hoje e perspectivas para o futuro". Vários problemas foram apresentados, como os entraves de infraestrutura logística, o excesso de burocracia e questões relacionadas à cadeia produtiva da carne que vive uma situação delicada desde a deflagração da Operação Carne Fraca. De modo geral, as lideranças do setor produtivo enfatizaram a necessidade de investimentos em novas tecnologias, na ciência e no conhecimento, e mais planejamento, como forma de assegurar o futuro do agronegócio brasileiro.  Na opinião do ministro, o futuro está na Ásia, porém ele advertiu que o Brasil e seus produtores têm que estar preparados para enfrentar um ambiente cada vez mais competitivo.

Em seguida, o presidente da Ampa enfatizou a importância da inovação tecnológica e também das parcerias entre os setores público e privado. Informou ao público que o Instituto Mato-grossense do Algodão (IMAmt) está investindo na produção de bioinseticidas em parceria com a Embrapa, visando uma produção algodoeira mais sustentável, com impactos positivos para o meio ambiente e para o bolso dos produtores.

Mencionou ainda uma parceria entre Abrapa (Associação Brasileira dos Produtores de Algodão), Aprosoja (Associação dos Produtores de Soja e Milho), CNA Brasil (Confederação de Agricultura e Pecuária) e Mapa, cujo objetivo é a informatização do sistema de liberação de defensivos agrícolas, considerado um calcanhar-de-aquiles do setor.

A 2ª edição do Fórum Nacional das Cadeias Produtivas também contou com a participação do presidente da Embrapa, Maurício Lopes, do presidente do Sistema Famato/Senar, Normando Corral, do presidente da Aprosoja-MT, Endrigo Dalcin, do senador Cidinho Santos e do deputado federal Ezequiel Fonseca, entre outros convidados. O evento, que é promovido pelo Sindicato Rural de Cuiabá, presidido por Jorge Pires de Miranda, acontece paralelamente à 53ª Expoagro. 

 
Fonte: Assessoria de Comunicação da Ampa
 
 
 
 
Fotos Videos
2ª edição do Prêmio Semeando o bem
4ªJornada de Atualização em Cuiabá 28.11.13
4ªJornada de Atualização em Sorriso 27.11.13
Mais  Fotos
 
 
 
Institucional Notícias Sustentabilidade
Quem Somos Fale Conosco Programa Semeando o Bem
Histórico   Programa Fazenda Saudável
Missão, Visão e Valores Galerias Programa ABR
  Fotos Sistema BCI
  Vídeos  
Diretoria Legislação Publicações
     
     
 
IAS - Instituto Algodão Social
Rua Engº Edgard Prado Arze, nº 1.777, Qd 03 - Setor A, Edifício Cloves Vettorato, Centro Político Administrativo - CEP 78049-015
Cuiabá - Mato Grosso - Brasil - +55 (65) 3322-0001

2012 - Todos os direitos reservados